Tire qualquer dúvida sobre os pacotes e a Inspire Chile

Documentação de viagem

Brasileiros não precisam de passaporte para cruzar a fronteira do Chile. O documento de identidade civil (o RG) é suficiente, mas assegure-se de que o seu documento esteja em boas condições, com uma fotografia legível e que tenha sido emitido há menos de 10 anos. Caso deseje, poderá sim viajar com Passaporte, desde que ele esteja em boas condições e dentro do período de validade.

Qual moeda levar

A moeda oficial do Chile é o peso chileno (CLP). A maioria dos estabelecimentos do Chile aceitam o dólar como moeda de pagamento. Porém, é sempre bom ter pesos chilenos em mãos para evitar imprevistos, pois pode ser que você precise ou queira comprar alguma coisa onde o estabelecimento só aceita peso chileno (ou mesmo que aceite dólar, a conversão não seja vantajosa para você). Ou seja, se você levar dólar ou mesmo se você levar real para o Chile, nós recomendamos que troque lá por peso chileno.

Quando ir

Depende muito do que você quer apreciar e qual região irá visitar. O Chile é um país muito diverso e vale mais de uma ou duas viagens. As estações ocorrem nos mesmos meses do Brasil, porém com características diferentes no clima (por exemplo, o inverno no Chile é mais rigoroso).

Garrafas de vinho pro Brasil

É permitido até 12 litros de bebida alcoólica, desde que a sua mala não ultrapasse 23 kg total, segundo a Receita Federal. As garrafas de vinho compradas em vinícolas ou supermercados não podem ser levadas na bagagem de mão, precisam ser despachadas. Somente as bebidas compradas em Duty Free dentro dos Aeroportos poderão ser levadas dentro da cabine no voo de volta ao Brasil. É fundamental estar atento à sua franquia de bagagem contratada!

Aluguel de roupa

Dependerá se você planeja esquiar ou viajar para o frio novamente. É possível fazer o aluguel de roupas nos centros de Ski, o mais importante é saber que as lojas de aluguel de roupas de neve somente alugam a última camada de roupa, isto é, a blusa e a calça de tecido impermeável. As outras duas camadas (o underwear e a camada de fleece) não são disponibilizadas para aluguel. Por isso, é necessário levar do Brasil essas duas primeiras camadas, ou então adquiri-las durante a viagem.

Roupa pra neve

O ideal é vestir-se em três camadas. A primeira camada (chamada de “underwear”, ou “segunda pele”), tem como função manter o corpo aquecido. Já a segunda camada (chamada de “fleece” ou “polar”), tem a função de reter o calor do corpo. A última camada é o tecido impermeável externo, funciona como o arremate final, já que barra o vento e a água.

Ski para família

Recomendamos Farellones, pois tem diversas opções de atividades na neve para toda a família. As brincadeiras não são só para as crianças, os adultos também se divertem!

Quando tem neve

Geralmente, o período de neve no Chile é entre meados de junho a meados de setembro, porém tudo depende das condições climáticas, podendo variar de ano para ano.

Neve no Chile

Para brincar e ver muita neve, será necessário subir a Cordilheira dos Andes e chegar até as estações de esqui. As mais próximas a Santiago e que estão na mesma direção são: Farellones, La Parva, El Colorado e Valle Nevado. Você também poderá ver neve de perto em outras regiões, como no centro de ski localizado no Vulcão Osorno na Região dos Lagos. Claro que para poder aproveitar a neve, é preciso ir na época do ano certa.

Roupa para neve

É recomendável estar com roupas impermeáveis, mas não é obrigatório. Se pretender só apreciar o cenário, recomendamos alugar pelo menos uma bota para caminhar na neve. Ainda que não vá fazer atividades na neve e opte por somente curtir a paisagem, ainda assim é importante estar muito bem agasalhado! Um casaco “corta-vento” também é recomendado.

Homologar celular

Não é necessário fazer a homologação. Você só vai precisar fazer o trâmite da homologação se for permanecer no Chile por mais de 30 dias.

Celular no Chile

Caso você deseje manter o mesmo número de celular do Brasil ativo no Chile, é necessário conversar com sua Operadora para verificar quais são as condições para ativar o Roaming. Se preferir não utilizar o Roaming da sua operadora do Brasil, você poderá comprar um chip no Chile. Existem várias empresas de telefonia onde você pode comprar um chip e fazer uma recarga para ter acesso a internet, mensagens de textos e ligações.

Onde trocar dinheiro

Em casas de câmbio localizadas em Providência e em Santiago, em geral, oferecem melhor cotação. Principalmente as da rua Augustinas, no centro de Santiago. No Atacama, a Calle Caracoles concentra a maioria das opções de casas de câmbio. Na Região dos Lagos, é fácil encontrar casas de câmbio no centro de Puerto Varas. Se na sua viagem pelo Chile, você ficar alguns dias antes na cidade de Santiago, recomendamos trocar o dinheiro na capital pois o câmbio tende a ser mais favorável ao turista.

Seguro Viagem

O seguro viagem não é obrigatório, porém é necessário, já que no Chile a saúde pública é paga. Além disso, é preciso considerar que alguns destinos no Chile exigem maiores cuidados, como é o caso do Atacama que, por estar numa altitude elevada, pode causar ao visitante desconfortos chamados de “soroche” e por isso é importante estar protegido por um Seguro Viagem que preveja gastos médicos, com medicamentos, etc.

Documentos para Crianças

Não. A Certidão de Nascimento só é válida para viagens feitas dentro do Brasil. Para qualquer viagem internacional é exigido um documento com foto e os únicos permitidos são o passaporte ou RG (no caso dos países que permitem o uso do RG, como o Chile por exemplo).

Vacinação

Não é obrigatório nenhum tipo de vacina para entrar no Chile e também não é necessário ter o Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP). Sobre a febre amarela, o Chile ainda não está na lista dos países que exigem a vacina. Caso deseje toma-la, é totalmente opcional.

Comércio

Geralmente, até às 21 horas. O Chile em geral dorme cedo, apenas os locais de vida noturna e restaurantes fecham tarde. Lojas, shoppings e supermercados fecham às 21 horas.

Visto para o Chile

Brasileiros não precisam de visto para viajar ao Chile. Baste ter o RG em bom estado e com menos de 10 anos de data de expedição.

Casa de Câmbio no Chile

Algumas abrem sim, mas a maioria não (especialmente aos domingos). As que com certeza abrem aos finais de semana são as do aeroporto e as dos shoppings, porém o câmbio acaba sendo menos vantajoso para o turista. Em caso de você precisar trocar dinheiro em alguma destas casas de câmbio, sugerimos trocar uma quantia menor, apenas para conseguir passar o fim de semana, e na segunda-feira realizar a troca do restante da quantia que deseja em uma casa de câmbio da cidade que seja mais perto do seu hotel.

Peso chileno no Brasil

Não vale a pena comprar peso chileno no Brasil pois a cotação é baixa e existem taxas. Geralmente, a cotação em Santiago é melhor que no Brasil e trocar dinheiro por lá é fácil. Todas as casas de câmbio fazem a troca de real por peso chileno. De forma geral, todas as cidades do Chile possuem casas de câmbio que aceitam trocar o Real pelo Peso Chileno devido ao grande número de turistas brasileiros que recebem.

Fuso Horário

De setembro a abril: mesmo horário de Brasília. Costuma amanhecer às 8h45 e anoitecer por volta das 21h30. De maio a agosto: 1 hora mais cedo que o horário de Brasília. Amanhecendo às 6h30 e anoitecendo por volta das 18h00.

Viajar com a Inspire Chile é a garantia de conhecer o que há de mais importante no Chile, através de roteiros cuidadosamente elaborados e testados por milhares de clientes.

Converse com nossa
equipe para personalizar sua viagem, chame:

Ver telefone
(11) 4502-4128
Grande São Paulo
Ver telefone
(11) 4502-4128
Demais localidades